[ColaborAutoras] Resenha Nacional: Juntos e sem Destino - Giovana C. Soares!!!

Olá Gente linda.

Hoje temos Resenha Nacional de Juntos e sem Destino, que faz parte de uma Duologia e nos foi cedido pela autora Giovana C. Soares!!!


Eu sou a Ingrid, ColaborAutora fofa do Clube do Livro 


Juntos e sem Destino

Até onde você iria para esquecer do passado?

Ano: 2016 / Páginas: 197
Idioma: português
Editora: Amazon


Sinopse

Quando seus olhares se cruzaram pela primeira vez, suas mentes recusaram-se a aceitar que o sentimento era mútuo. Leila observava sempre seu amor platônico com outras garotas e decidiu que não seria tão ingênua a ponto de ficar com ele - Mas e se ela tivesse uma chance? - Após uma noite de loucuras, o destino mudou o rumo destes dois para sempre, eles estavam no local errado e na hora errada.

Após presenciarem um homicídio tudo se inverteu, Leila jamais esqueceria daqueles olhos verdes que a encararam àquela manhã, Henrique jamais deixaria que algo acontecesse a ela. Tentando fazer o que julgavam ser o certo, tornaram-se um alvo em potencial para aquele homem que mostrava em suas atitudes e feições, tamanha frieza.

Os dois foram enviados para a Europa, mas sabiam que estavam longe de ter uma vida normal, a realidade pesaria em seus ombros. Entre viagens, e o passado e o presente de nossos protagonistas, surge uma trama envolvente, inconsequente e muito perigosa. Até onde você iria para esquecer o passado? Será que tudo isso seria o suficiente para impedi-los de encontrá-los?

Venha descobrir nessa trama que mexerá com seus sentidos e te deixará completamente à flor da pele.




Compre o livro físico direto com a autora!



Book Trailer



Giovana C. Soares


Biografia

Giovana Correia Soares é uma leitora assídua desde pequena, possui dois amores, a música e a escrita e através dos livros descobriu que era possível misturar seus dois amores.

Quando não está escrevendo ou lendo, faz faculdade de odontologia e está cursando o último ano. Seu maior sonho é ser reconhecida pelos seus feitos e teimosa como só ela, não irá desistir tão fácil.

Nasceu em São Paulo e como toda paulista ama passear no parque Ibirapuera e na Avenida Paulista. Porém tem vontade de conhecer o mundo e esse sonho sempre é transmitido em seus livros.





Resenha


“Conforme eu crescia, a dura realidade me mostrava que príncipes encantados não existem, e que eu jamais seria levada para morar em seus castelos.”

Leila sentia-se desiludida, crendo que os garotos eram maus e que as pessoas não costumavam seguir os seus sonhos, pois havia outras prioridades. A vida perdeu a graça , desde que ela desistiu de sonhar por medo de decepcionar os outros e pela falta de coragem de lutar para realizá-los.

“Tanta hipocrisia me deixava enjoada, eu poderia ser o que eu quisesse ser e ninguém jamais deveria me dizer o contrário.”

A única que a apoiava era sua avó, Dona Carmen, sabendo que a música era seu maior sonho. Leila conseguiu aproximar-se dele a partir do momento em que sua avó ligou para seus pais dizendo que estava doente e precisava de companhia. Dona Carmen não estava disposta a deixar a cidadezinha onde morava, então, Leila foi morar com ela.

Matriculada em uma escola onde todos eram parentes de fundadores, Leila sentiu-se um pouco deslocada. Até conhecer, Maíra, dona de uma personalidade única e elas tornaram-se melhores amigas. As duas eram inseparáveis e Maíra apoiava o sonho de Leila.

“E foi aos treze que meu sonho tomou proporções inimagináveis: eu fazia parte de uma banda!”



A banda era composta por três garotas e suas músicas logo começaram a fazer sucesso. Dona Carmen as acompanhava e ajudava financeiramente. Todavia, a doença dela agravou-se, fazendo com que ficasse de cama e necessitasse de cuidados especiais.

Leila já não tinha mais tempo para dedicar-se a banda e seus pais resolveram se mudar para morar com elas. Forçada a desistir da banda, sentiu-se substituída quando as garotas colocaram outra em seu lugar rapidamente. Dona Carmen faleceu quando Leila completou quinze anos de idade e entrou para o ensino médio.

“Novamente eu estava sem rumo. Novamente eu havia largado tudo o que sempre sonhara e jogado no lixo todo o meu esforço.”

Junto com Maíra, Leila passou a frequentar boates e assim como as outras garotas, teve alguns namorados, porém, nenhum que valesse a pena. Apesar disso, continuava acreditando que um dia encontraria um homem que não mediria esforços para agradá-la e vê-la feliz.

Em segredo, Leila se inscreveu para uma faculdade de música, a controversa de seus pais, que relutaram muito. Contudo, já era maior de idade e tiveram que aceitar sua escolha.

“Eu poderia ter tido o meu feliz para sempre, isso se a vida não resolvesse mudar tudo outra vez…”

Henrique era conhecido como um garoto prodígio. No entanto, as circunstâncias nada favoráveis da vida, que o fizeram passar por muita dor, o tornaram problemático. Cometeu muitos erros e arrependia-se amargamente de todos eles. Sentia-se perdido a procura de uma direção.

Depois de viver por anos na Inglaterra voltou ao Brasil e em uma nova cidade, consideravelmente pequena, encontrou paz e tranquilidade. As pessoas não eram invasivas, o que contribuía para que se sentisse em casa. Costumava dar festas e ficar com o maior número possível de garotas, sustentando a fama de pegador.

“Meu lema era jamais me apaixonar, não conseguiria me envolver com alguém e ter de dividir o meu histórico de vida. Eu não via problemas em ficar sozinho, desde que estivesse feliz e em paz comigo mesmo.”

Uma boate nova havia aberto na cidade vizinha e todos estariam lá. Leila e Maíra tinham convites e acesso aos camarotes VIPs. Depois de muito dançar e beber além da conta, Leila esbarrou em Henrique, cujos profundos olhos castanhos a hipnotizavam, enquanto ele a ignorava, pensando que estaria mais segura longe dele. Conheciam-se desde que ele chegou a cidade e ela se sentia muito atraída pelo perigo que emanava dele. 

“O perfume dele rondou o meu pensamento durante toda a noite, o que estava acontecendo comigo?”


Misteriosos assassinatos começam a acontecer, Leila e Henrique não estavam seguros, pois presenciaram o primeiro. O assassino estava de olho neles e determinado a acabar com todos os seus amigos. Logo, os dois foram enviados para a Europa, onde aparentemente estariam seguros e muitas reviravoltas acontecem. 

Um romance policial com conteúdo erótico incrível, recheado de lembranças e acontecimentos marcantes. Com cenas intensas e quentes na medida certa. Dividido em duas partes é narrado em primeira pessoa, intercalando entre os pontos de vista de Leila, Henrique, Déborah e Lorenzo.

A escrita da autora é instigante e envolvente. Os personagens são profundos, lidando com seus dramas emocionais. Ansiosa para ler o segundo livro e descobrir o que mais está por vir. 

A capa é linda, remete a história. A diagramação é delicada e a revisão ótima.

Dou cinco estrelas e recomendo!!!



Ingrid M. SNascida em 03 de outubro de 1993, é formada em Design de Moda, mora com o marido em uma cidade pequena e muito pacata no interior de Santa Catarina. Ama escrever desde criança, mas somente em 2014, resolveu publicar algo através do Wattpad.

É sonhadora, criativa, detalhista e muito teimosa, uma viciada em livros e chocolate, simplesmente apaixonada por dias frios e chuvosos. Gosta muito de 
desenhar, assistir comédias românticas e seriados. 



CONTATO: SITE  - FACEBOOK -  GRUPO NO FACEBOOK - SKOOB - WATTPAD  - AMAZON

Gostou dessa postagem??? Quer mais??? Que tal me enviar dicas superlegais sobre seus autores (a) favoritos, livros, séries, filmes, músicas, livros, entre outros assuntos? Deixem suas sugestões nos comentários...

Beijinhos Ingrid



2 comentários:

  1. Adorei a resenha Giu S2
    A capa é maravilhosa! Que bom que os autores nacionais estão crescendo cada vez mais :)
    Mil Beijos,
    http://www.fabulonica.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju!
      É lindo ver o quanto vem crescendo nossos brasucas, né?!
      Obrigada pela visita, volte sempre a casa é sua.
      beijocas!

      Excluir


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.