[Resenha Nacional] Um Novo Amanhã - Nunca é tarde para Recomeçar - Neiva Meriele

Olá, meus fiéis e queridos leitores!

Feliz ou infelizmente, normalmente sou “a escolhida” para resenhar livros do gênero “Hot” (adoro... hahahaha...), porém, contudo, entretanto, todavia, comigo não tem gênero predileto (mentirinha, não tem nada nem ninguém que me faça ler ou assistir terror e coisas além do meu entendimento, tipo sobrenatural. É paúra, mesmo). Exceto os que acabo de citar, aprecio, de verdade, todos os gêneros, e um bom “Romance” (épico ou contemporâneo), por incrível que possa parecer, agrada-me demais.
Sendo assim, a resenha de hoje é do livro “Um Novo Amanhã – Nunca é Tarde para Recomeçar”, de uma autora genuinamente romântica: nossa parceira Neiva Meriele (promessa cumprida, Neiva!).  Vamos, então, conhecer a história?

Um Novo Amanhã - Nunca é Tarde para Recomeçar
Neiva Meriele
Sinopse

Felipe e Isabela se conheceram num momento muito importante de suas vidas — ele um executivo de sucesso, ela uma policial recém-formada — e viveram um verdadeiro conto de fadas, até o dia em que tudo terminou de maneira inesperada.
Porém, cinco anos mais tarde, quando ela pensava em retomar sua vida amorosa, o mesmo destino que os separou se encarregou de colocá-los frente a frente. 
Agora ambos terão que encarar de uma vez por todas as questões que ficaram pendentes no passado. O mais difícil, porém, será manter as emoções sob controle.
Haverá esperanças para este amor?
Dois corações divididos entre o amor e a mágoa.
Empolgante, leve e extremamente romântica são as principais características da escrita da autora Neiva Meriele.  Com o livro “Um Novo Amanhã – Nunca é tarde para recomeçar” não foi diferente.
Nele, o leitor vai se deparar com uma combinação perfeita de amor, mágoa, coincidências, mal entendidos, encontros, desencontros, intrigas, recomeços e uma grande dose de suspense que vão aguçar o interesse do leitor e prendê-lo do início ao fim.
"Um Novo Amanhã – Nunca é tarde para recomeçar" é uma trama que envolve amores ardentes e inesperados. Isabela e Felipe se encontram em uma situação pouco comum. Isabela é policial e certa tarde foi designada por seu pai, que é o delegado na cidade onde residem, para atender a uma ocorrência na qual um homem dirigia perigosamente, colocando a vida das pessoas em perigo. Chegando ao local, além de constatar o estado de embriaguez do motorista e conduzi-lo a delegacia por falta de documentos, Isabela admirou e aprovou sua aparência física. Ele era alto, malhado e incrivelmente bonito. Por sua vez, ele também achou Isabela uma policial gatinha, de linhas perfeitas e a olhava com olhar intenso. A atração entre eles foi imediata, apaixonaram-se perdidamente e passaram a viver um conto de fadas.

Apesar de Felipe não gostar de comentar sobre sua vida nem sobre sua família, após seis meses de namoro, estavam morando juntos. Quando Isabela engravidou, Felipe prometeu à mulher que quando o bebê nascesse, levariam a criança para os avós paternos conhecerem, promessa que gerou em Isabela a expectativa de, finalmente, conhecer a família do amado. Porém, nada aconteceu como o planejado. Yasmim nasceu prematuramente no dia em que Isabela estava trabalhando na delegacia, seus pais estavam visitando amigos na cidade vizinha, Felipe estava na empresa e todas as ligações que ela fez para ele caíam na caixa postal, cabendo ao policial Soares, que nutria uma paixão antiga e incontrolável por ela, levá-la ao hospital. Nesse cenário de desencontros, da janela da maternidade, Isabela presenciou uma cena envolvendo uma loira (que loira é essa, hein?) e Felipe que desciam alegremente do carro. Por uma interpretação equivocada da cena e com a ajudazinha de Soares, Isabela decidiu além de abandonar o marido, dizer a Felipe que a filha não era dele e, sim, de Soares. 

A história prossegue com cada um tentando seguir em frente, cada um carregando sua decepção e mágoa, e com os corações fechados para um novo amor. Cinco anos se passaram e Isabela decidiu investir em sua carreira. Estudou, tornou-se detetive e, após dois anos, mesmo com seus colegas apostando no seu fracasso, iniciou sua própria empresa de investigação, ganhando notoriedade e credibilidade. Dentre as muitas propostas para investigações que surgiram, optou por uma que obrigaria ela e sua equipe a transferirem-se para o litoral. Nesta história, o destino ou o acaso, mais uma vez marcou presença. Ficou acertada a visita do novo cliente ao escritório para tratarem detalhes da investigação. No dia e hora marcados, Adriano (que será uma das grandes surpresas da trama) chega ao escritório provocando um forte impacto em Isabela. Ele era pecaminosamente lindo. Um deus grego materializado diante dela. Pela primeira vez, após cinco anos, Isabela sentiu-se atraída por um homem.  A atração foi recíproca. Ambos ficaram impressionados com a elegância e beleza do outro. Foi difícil, mas conseguiram acertar os detalhes e os rumos da investigação que Adriano estava contratando ao escritório de Isabela.
No desenrolar da trama, o leitor se depara com muita ação: revelações bombásticas,  intrigas, muito mistério e suspense, além, é claro, de grande dose de romantismo que instigam e prendem o leitor a cada capítulo.  Já tive a satisfação de ler outros títulos de Neiva Meriele e, mais uma vez, ela conseguiu criar personagens que apesar de complexos em seus desejos, personalidade e atitudes, são bem próximos a nossa realidade, numa trama também complexa, e que apesar da “mãozinha” do destino ou do acaso, não é fantasiosa nem improvável de acontecer. 
Sobre a obra:

"Um Novo Amanhã – Nunca é tarde para recomeçar "  tem um roteiro superinteressante, no qual mal entendidos, intrigas, violência, paixão e superação despertam a curiosidade e o interesse do leitor, pois narra, realisticamente, a história da separação do casal Felipe e Isabela, uma situação penosa e delicada pela qual muitos já passaram ou passarão, incluindo as angústias, nostalgia, aflições, arrependimentos e incertezas tão comuns nos casos de rompimentos amorosos, e acima de tudo, mostrando que através da tolerância e da compreensão, há a possibilidade da redenção e do recomeço.
A autora, mais uma vez, se utilizou de uma linguagem simples, direta, fluida e envolvente, que além de induzir o leitor a refletir sobre as motivações que puseram fim ao relacionamento do casal e sobre suas consequências, entremeia situações de paixão, amor, mistério e suspense, deixando-o conectado na trama e ávido de curiosidade pelo desfecho que, apesar de desejável e previsível, é cercado de muita ação, reviravoltas e muita, muita emoção.

Neiva Meriele é cristã e, por isso, suas obras sempre trazem embutidas no enredo, mensagens otimistas, de superação, de crença no amor maior, no ser humano, e na sua capacidade de perdoar, evoluir e transformar-se. Entretanto, essa característica da autora não interfere na movimentação da trama, visto que são enredos totalmente inspirados na vida real e possíveis de acontecer. Sinceramente falando, são enredos que além de cumprirem a função de informação e /ou entretenimento (como os enredos dos demais autores), promovem nos leitores uma sensação de regozijo para nossos dias tão carentes de dignidade, de tolerância e de fé nas pessoas e em todas as formas de amor.


Li, gostei e recomendo!


Gostou da História? 
Tem capítulos para degustação aqui: WATTPAD

Adquira seu e-book aqui: AMAZON

Leitores queridos, gostando ou não da resenha, não se esqueçam de que seus comentários são muito importante para nós.
Beijos e até a próxima


Créditos:
Resenha: Vanda Costa
Imagens: Tiradas da Internet
Diagramação: Vanda Costa


















2 comentários:

  1. Querida Vanda, quando você me disse que hoje sairia resenha do livro, eu nem acreditei. Sim, porque suas resenhas sempre vão à fundo nas questões mais importantes da história. E desta vez não foi diferente. Terminei de ler a resenha com lágrimas nos olhos, com um sentimento de gratidão do tamanho do mundo por esse carinho e dedicação que você tem com meu trabalho.
    Sem palavras!
    Minha vontade foi "grifar" a resenha toda de tantos trechos que amei. Se tornou a resenha oficial do livro.
    Bjks em você e na equipe do Clube <3

    ResponderExcluir
  2. Sua linda, você nem imagina como fico ansiosa pra saber se a resenha agradou e fez justiça ao trabalho do autor. Que bom que você gostou. Já lhe falei que a resenha boa é fruto de um bom enredo.
    Amei Um Novo Amanhã, assim como os outros títulos seus que li.
    Sucesso e conte comigo, sempre.
    Beijos.

    ResponderExcluir


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.