[DEVANEIOS EM VERSOS] Poesia e Poemas diferenças - Amanda Bonatti

Olá pessoal, sou Amanda Bonatti, poeta parceira deste blog incrível que é o Clube do Livro.
Recebi o convite para escrever na nova coluna "Devaneios em versos", e é como muita alegria que o faço pela primeira vez.
Como estreia da coluna separei um texto de Teoria Literária sobre poema e poesia, pois apesar de eles serem diferentes na escrita e no gênero ainda é muito confundido.
Vamos lá...



Poesia e Poema – Diferenças

Muitas pessoas têm dúvidas quanto à denominação do termo poesia e poema. 
Mas afinal, se possuem nomenclaturas diferentes, diferenças há entre elas, vamos ver então quais são: 

Poesia: Caráter que emociona, toca a sensibilidade.
Sugere emoções ou criatividade por meio de uma linguagem. 

Poema: Obra em verso em que há poesia Sendo assim, podemos dizer que uma bula de remédio é um poema? 

Veja abaixo:



BULA PARACETAMOL: Ação esperada do medicamento: 
Paracetamol é utilizado como analgésico e antipirético, ou seja, no combate à dor e à febre. 
Sua ação analgésica se faz sentir cerca de 30 minutos após a administração e se prolonga por 4 a 6 horas.

Pois bem, este texto- Bula paracetamol - Não está escrito em versos, portanto não é um poema e também não emociona, não toca a sensibilidade nem sugere emoções por meio das palavras ali contidas. 
Então uma bula de remédio não tendo essa linguagem sensível também não tem poesia. No entanto uma bula de remédio pode ser assim: 

PARACETAMOL 

A ação esperada do medicamento 
É que lhe dê um alento Combatendo a dor 
É um analgésico poderoso,
 Na febre também eficaz 
Mas sempre indicado pelo doutor 
E não vá tomar demais! 

E agora? Já um texto totalmente diferente. Está escrita em versos? Sim! 
Então é um poema! Lembrando que cada linha do poema é um verso. 
Pois bem, se é um poema é um objeto literário com existência material concreta, ou seja, ele existe, pode ser lido, impresso em livro, publicado na internet e visualizado. 
E há poesia neste poema? 
Pois eu diria que sim, pois possui essência e criatividade, é um texto muito mais sensível.
Pois POESIA tem um carácter imaterial e transcendente.

É isso aí, espero que tenham curtido, compartilhem, vamos repassar. Beijos