Postagem em destaque

[Promoção Mães Leitoras] com Rô Mierling e blogs parceiros (serão 7 ganhadores!)

Olá queridos leitores! Em comemoração ao Dias das Mães , a escritora Rô Mierling e blogs parceiros se reuniram para presentea...

[Resenha Nacional] Apenas um Final de Semana - Fê Friederick Jhones

Hey Gente linda, voltei!


Quando recebi esse conto, não imaginava que mais uma vez a Fê fosse me surpreender, afinal, já acompanho o trabalho dela faz mais de um ano, então, pensei que conhecia todas as suas nuances de escrita, correto? #SQN!

Bora conhecer minha opinião sobre esse maravilhoso conto?!

Let´s go!

Apenas um Final de Semana - Fê Friederick Jhones

ISBN: B01JDD6IDC
Ano: 2016 / Páginas: 65
Idioma: português
Editora: Amazon
SKOOB - AMAZON Laura abandonou o marido, Eduardo, para ir embora com outro homem. Cinco anos depois, ela retorna à cidadezinha do interior para fazer com que ele assine os papéis do divórcio, só que é surpreendida pela proposta de que ela fique apenas um final de semana com ele na fazenda e depois ele assinará o que ela quiser. Nesse fim de semana sentimentos antigos e novos começam a confundir a cabeça de Laura e ela não sabe mais o que deve fazer. Ir embora de novo ou ficar a redescobrir seu casamento?




Conhecendo um pouco a Autora Fê

Fê Friederick Jhones

Eu sou uma apaixonada por histórias e pessoas, minha primeira escolha então foi a Psicologia, as palavras sempre fazendo meu mundo ter mais sentido, palavra cantada, escrita, falada, eu amo qualquer tipo de arte. Sou uma boba que chora com dramas de amor, amo finais felizes e clichês românticos, gosto de torcer por personagens que só existem na minha imaginação e passo horas em mundos variados, criando-os ou conhecendo-os pela voz de outros. Escrevo porque preciso e não saberia viver sem isso, artigos, reflexões, frases, contos, poesias, romances, todos os meus pedaços que dou ao mundo. Sou mãe de uma lady peluda que se chama Belle e tenho um marido lindo chamado Deivid Jhones, de quem roubei o sobrenome. Nasci na terra do acarajé, mas moro na cidade do bolo de rolo. Prazer, eu sou a Fê!

Contato nas Redes Sociais com a Autora:

FACEBOOK -  WATTPAD -  TWITTER - SKOOB -  SITE TDL -  COMPRE AQUI  



Resenha
A História começa com Laura retornando a sua cidade natal em busca do divórcio. Já se passaram cinco anos desde que ela seguiu seu coração e deu Adeus à sua vida de casada em busca de um novo final feliz com outro homem, mas será que realmente Laura encontrará sua felicidade?

A Vida é engraçada. Às vezes é preciso nos perder para que nos encontremos novamente. Ela achava que seria apenas alguns dias, uma assinatura, um ponto final e, enfim, o adeus como se deve, agora pela porta da frente, sem fugas. Ela precisava disso, eles precisavam disso. Era o que ela achava, mas ao ir confrontar seu passado, uma surpresa.
A fazenda, aquele ar, tudo ali parecia inspirar paz e tranquilidade. Era um retorno com ares de nostalgia e um pouco de saudades. Tudo estava como era seu desejo, mas qual era mesmo o seu maior desejo?

Ao confrontar as dores, ela encontra naquele homem que há muito amara, muito mais do que apenas mágoa. Ele não queria assinar o divorcio e fez uma proposta que, a principio, parece uma loucura descabida: um final de semana juntos e depois ela pode ir embora… ou não?
Será que o amor sobreviverá as dores causadas pela traição e abandono? Será que um final de semana é o suficiente para reacender as fagulhas de um antigo amor?



Minha Opinião

A escrita da Fê sempre me surpreende. Os personagens são cativantes, humanos e nós torcemos por eles, para que sejam felizes e se redimam de seus pecados passados. A história é curta, muito mais do que eu gostaria, mas repleta de reflexões e suspiros. A delicadeza na escrita da Fê é palpável. Você sente os sentimentos junto com os personagens. Você consegue enxergar o cenário bucólico e quase é possível sentir o cheiro de terra molhada e a brisa morna no rosto. Nem vou falar muito mais para não dar spoiler (mas o Eduardo...., Ah, Eduardo! Se a Laura não te quiser eu te quero, baby!).

Como sempre a revisão está impecável, a capa condiz com a história (hehehehe), que fala sobre como às vezes temos a tendência em enxergar a grama do vizinho mais verde, quando a felicidade pode está mais próximo do que imagina. Hoje em dia a tendência é pensar que casamento ou um casal tem obrigação de serem felizes 24 horas por dia, quando sabemos que na realidade não é bem assim, como seres humanos somos cheios de falhas e diferenças. ás vezes colocamos uma expectativa gigantesca no outro e esquecemos que ele é tão humano como nós mesmos, ele vai errar e nós também, cabe os dois saber dosar, perdoar e tentar e tentar e tentar até que reste sentimento e vontade de ambos de fazer dar certo.

Eu me apaixonei pela história e quero mais, inclusive, esse conto, daria um maravilhoso livro, para sabermos o que levou Laura a largar seu casamento para ir atrás de uma “aventura”, como é esse homem e o que os levou a essa fuga, os sentimentos após essa “fuga”, enfim, temos muito pano para manga, viu dona Fê? Quero mais!

Essa é uma leitura que vai ensinar além de entreter. Vamos aprender com essa leitura lições como: erros, amor, perdão e segundas chances. Será que o amor supera realmente tudo? Leia e descubra!
Se gostam de romance (sem ser meloso) na medida certa, com uma sutileza ímpar em retratar os sentimentos e conflitos, leia sem hesitar! Super recomendo e favorito esse conto lindo. Parabéns, minha amiga, por mais uma vez tocar esse meu coração de gelo!




Beijos e comentem o que acharam.
Vocês já leram ou leriam essa obra? Já conheciam a autora?
Até a próxima!

2 comentários:

  1. Oi! Nunca tinha visto falar sobre esse conto, na verdade e fujo de contos porque sempre quero mais haha Mas você falou tão bem desse e eu amo romances, fiquei com mt mt vontade de conhecer! Parabéns pela resenha! Beijos <3
    http://persuasaoliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pelo carinho de sempre! Amei a resenha e amo fazer parte desse Clube! Beijinhos, amoreco!

    ResponderExcluir


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.