Postagem em destaque

[Promoção Mães Leitoras] com Rô Mierling e blogs parceiros (serão 7 ganhadores!)

Olá queridos leitores! Em comemoração ao Dias das Mães , a escritora Rô Mierling e blogs parceiros se reuniram para presentea...

[Resenha Nacional - Redes Sensuais - Livre Arbítrio - Leonardo Midas


Olá, leitores queridos!
Há aproximadamente dois meses, recebi o convite do autor Leonardo Midas, autor do grande sucesso “Redes Sensuais”, para ler a continuação “Redes Sensuais – Livre Arbítrio”. Como já havia lido e adorado “Redes Sensuais”, mesmo estando repleta de leituras para resenha, fiquei superfeliz com o convite. Ele também me pediu uma resenha. Topei e agora estou com um problemão, pois estou em dúvida sobre qual caminho seguir para fazer essa resenha sem spoiler e sem entregar a trama. Difícil! Bem, vamos por partes, escrevendo, lendo, relendo para me certificar de que não estou estragando a surpresa do livro. Espero que o autor e vocês a aprovem. Então... vamos ao que interessa?
Em primeiríssimo lugar quero deixar claro que o fato de não ter lido “Redes Sensuais”, não impede nem compromete o entendimento da continuação “Redes Sensuais – Livre Arbítrio”. Portanto, se você não leu “Redes Sensuais”, pode perfeitamente ler a continuação sem nenhum prejuízo (mas, se for possível, leia o primeiro livro porque o enredo é muito bom). Esclarecido este ponto, vamos ao livro.
Redes Sensuais Livre Arbítrio
Sinopse
A alucinante continuação, imperdível para os fãs... ou o início de uma nova e independente trama para aqueles que ainda não conhecem a série REDES SENSUAIS.
        Mantendo a mesma narrativa acelerada que caracteriza o desfecho do livro inicial, REDES SENSUAIS - LIVRE ARBÍTRIO faz o protagonista Marcos duvidar das verdadeiras intenções de Daniel quando um novo vídeo aparece, desta vez em poder da polícia. Até que ponto um pode confiar no outro? E quem é Amanda, a mulher-bomba que ameaça implodir todo o lucrativo esquema?
        Novamente, o leitor é convidado a tentar desvendar, numa nova teia ainda mais apimentada e misteriosa, as conexões que ligam todos os personagens e suas motivações. Em REDES SENSUAIS - LIVRE ARBÍTRIO, as apostas são mais altas, os riscos maiores e o sexo ainda mais quente!
        Embarque já na arrebatadora trama de REDES SENSUAIS.






Um pouco sobre o autor:
Leonardo Midas nasceu em Belo Horizonte, morou nos Estados Unidos por cinco anos quando se mudou definitivamente para a Suécia.
Trabalha com tecnologia e informática em empresas multina-cionais, atuando, princi-palmente, na área de marketing e novos negócios.
Devido à sua profissão está sempre viajando por diversos países, frequentemente como palestrante. Redes Sensuais é o seu primeiro romance.

Marcos Avilar Reis, engenheiro, apesar de estar passando por algumas dificuldades econômicas com seu empreendimento, a Face App, tem uma confortável situação financeira. É casado com Vanessa, que empresaria um bufe. O casal tem duas filhas, Valéria e Verônica e moram confortavelmente num apartamento de alto padrão em Belo Horizonte.
Marcos tem uma rotina de trabalho bem movimentada e atribulada. Trabalha para a CONCRETEK, tem a PROTHEUS na Suécia, criou a Face APP em sociedade com Eduardo, seu melhor amigo desde a quinta série e “testa“ garotas para Daniel (trabalho desagradável não é, Marcos? Rsrsrs...).
Uma vez por mês, Marcos passa uma semana em Campinas. Nessa semana ele dá suporte e supervisiona a Face App, além de selecionar as “garotas qualificadas” para Daniel.  De domingo a quarta-feira, ele ficava em um dos três hotéis onde é cliente cativo por conta da Face APP.  Quinta-feira, pela manhã, era instalado o equipamento no quarto do hotel dele, pois a noite era dedicada aos “filés” servindo como ensaio final e toda a transa da noite era gravada. Na sexta-feira, logo cedo, era feito o check-out no qual Marcos e Daniel discutiam a necessidade de ajustar o equipamento, de alterar a posição do espelho, checar conexões, internet, etc. Tudo ok, o quarto estava preparado para os próximos 30 dias. À tarde, Marcos pegava o voo das 16 horas e retornava a Belo Horizonte. Bem, que este quarto estará preparado para gravar as transas dos casais durante um mês, todos já sabem, só acho que não devo comentar com qual finalidade essas gravações são feitas (só acho, né?).
Sexta-feira, três de Outubro de 2013, após estar em oito bares e um restaurante “testando” candidatas (neste dia, foram seis candidatas), Marcos encontra-se com o “filé” do dia: Amanda, uma morena clara, alta, magra e cheia de curvas, vestido curto, cabelos longos, seios duros e grandes, na proporção perfeita. Um monumento de mulher. Marcos a qualificou como uma máquina. A transa foi realmente “fodástica”. De quebra, Amanda confessou a Marcos que era simpatizante da asfixiofilia (ou asfixia erótica que é a prática que faz com que o nível do oxigênio no cérebro seja diminuído, o que pode produzir uma sensação semelhante ao torpor do orgasmo. Esta excitação acontece por sufocamento ou até mesmo com o estrangulamento do parceiro durante o clímax. É importante advertir que essa prática é considerada altamente perigosa, pois há registro de diversas ocorrências de mortes durante a prática da asfixiofilia) e pediu para que ele a satisfizesse, praticando a asfixiofilia nela.  Mesmo hesitante, pois nunca a tinha praticado, ele atendeu ao seu pedido. Ficou apavorado quando ela desmaiou e, após algumas tentativas e manobras, ela se recuperou. Amanda se mostrou altamente satisfeita e o elogiou dizendo ser ele o melhor homem com quem já transara, e que foi o gozo mais forte da sua vida.


Transam mais algumas vezes. Marcos acorda com uma grande dor de cabeça e percebe que Amanda não estava mais no quarto. Anota em seu celular que Amanda está “Aprovada”. É a Milf perfeita (Milf - termo criado pelos jovens americanos referindo-se a mulheres que têm idade para serem mães de determinados parceiros mais jovens e que são muito “gostosas”).  Quando telefona para Daniel, observa que houve problemas no sistema que não quer funcionar de jeito algum. Já nem sabe se gravou ou não, se ele apagou por engano e, mesmo já tendo muita prática na configuração, já passava das duas da tarde quando Daniel deu o ok. Foi direto para o aeroporto para não perder o voo de retorno a Belo Horizonte.
Esse dia foi o ponto de partida que gerou um enredo com altíssimo teor de mistério, suspense e erotismo, pois pouco depois de um mês, exatamente no dia oito de Novembro de 2013, Marcos é procurado no hotel em Campinas pelo detetive Jorge Castanhedo, comunicando-lhe sobre o desparecimento da médica Amanda Corrêa Freitas. O detetive informou-lhe, também, que a última notícia que se tem dela é a de que no dia três de outubro eles estiveram hospedados no Cambuí Hotel Residence e, no dia seguinte, ela não apareceu no hospital para trabalhar e nem foi vista por mais ninguém. O detetive mostra o telefone de Amanda que foi achado no hotel e que contém a gravação daquela noite. A gravação está perfeita até o momento que mostra ele montado em Amanda, estrangulando-a. O som desaparece e os 20 minutos que ainda estão gravados, estão escuros, sem imagem e som.
O detetive também informa a Marcos que ele terá de fornecer explicações e provas convincentes sobre sua inocência no desaparecimento de Amanda o mais rápido possível, pois no próximo dia 25, exatamente dali a 17 dias, se Amanda não aparecesse, seria aberto um inquérito.
  
Drama, erotismo, muitas curiosidades sobre outras culturas e sobre redes e sistemas de informação, além de muito suspense e ação são os principais elementos que você vai encontrar em Redes Sensuais – Livre Arbítrio. Nele, o protagonista central Marcos, tem dezessete dias para localizar o paradeiro de Amanda ou descobrir o que realmente aconteceu com ela. Com o intuito de preservar seu casamento, sua vida pessoal e profissional, Marcos empreende, por conta própria, uma busca feroz e obstinada por provas que o tire do status de principal suspeito. Nessa busca, Marcos se envolve num perigoso esquema que inclui, entre outras coisas, cenários de prostituição, de assassinos e de traficantes poderosos. Quanto ao final, nunca o declaro, mas posso garantir que mesmo que você ache que já sabe o que está por vir, muitas reviravoltas acontecerão e só nas últimas páginas você o conhecerá. Sem medo de errar, garanto-lhe que o autor reservou um desfecho coerente e incrivelmente surpreendente. Pode acreditar!
É impossível dar mais detalhes sem entregar fatos importantes do enredo, então, vou me focar em deixar minha opinião sobre a obra.

Redes Sensuais – Livre Arbítrio” é um suspense diferenciado de tantos outros existentes no mercado por ser um suspense investigativo, permeado por cenas eróticas totalmente inseridas na trama que ajudam a esclarecer situações e personagens necessários à elucidação do caso. É uma trama muito bem elaborada, construída e desenvolvida, sem nenhum toque fantasioso, ao acaso, inexplicável ou impossível de acontecer. Percebe-se nitidamente que o autor detém conhecimento sobre todas as questões propostas na trama, pois quando o autor descreve cenas que evolvem sistemas de informações e informática, é notório que ele detém conhecimento sobre todas as parafernálias, aplicativos e sistemas de comunicação por ele descritos. Isso ocorre também nas praxes investigativas, nas situações da “alta” prostituição, quando o leitor toma conhecimento do “modus operandi” dessas transações, assim como a motivação que levam a “profissional” (sim, porque elas são exímias profissionais) a aceitar uma missão, que normalmente oferece um alto risco de periculosidade na sua execução. No transcorrer da trama o leitor recebe informações sobre a organização e as características políticas, diplomáticas, sociais e geográficas de alguns países, quando, em determinadas situações, se especula qual país e qual rota é a mais provável para aquela situação. Trata-se de uma ficção com conotação real, pois todos os cenários, nacionais e internacionais existem, de verdade, assim como algumas datas e fatos descritos na ficção realmente aconteceram.

O livro segue uma linha constante de coerência do princípio ao fim. Tudo é narrado na medida certa permitindo que o leitor vivencie todas as emoções e sentimentos experimentados pelos personagens.  Em cada capítulo há uma nova informação, uma surpresa, uma pista que provoca no leitor a vontade de prosseguir com a leitura, na expectativa do que irá acontecer. É um suspense que vai se revelando aos poucos, de forma deliciosamente instigante e intrigante, não só pelo mistério, pelas intrigas, pelo erotismo e pela corrida contra o tempo, mas, também, pelos dramas pessoais de cada personagem. A trama é totalmente focada na ação e na tensão pela qual os personagens, principalmente o personagem central passam, transportando o leitor para cenários de apreensão, suspense, luxúria, perigo e eroticidade. Leonardo Midas utilizou-se de uma linguagem versátil, impondo ao enredo linguagens formal e informal, técnica e irreverente, dependendo da exigência da cena, o que inspira maior credibilidade à trama. Nesse ponto acho pertinente advertir aos leitores sobre a linguagem utilizada nas cenas eróticas, pois é uma linguagem totalmente irreverente, sem pudores nem “mimimis”. Então, se você se choca com este tipo de vocabulário, esteja preparado, mas, esteja também preparado para rachar de rir com algumas dessas narrações. Não consigo parar de rir só de lembrar a cena da conjuntivite. É hilária e imperdível!  Quanto a mim, eu já havia declarado em comentários no Wattpad, que o Marcos é o tipo de pessoa que associo a alguns amigos que tenho e com os quais passo horas agradabilíssimas, de total descontração, justamente pela capacidade de se exprimirem falando “palavrões” e/ou palavras ditas obscenas sem me constranger, ofender, ou me causar qualquer sentimento de desrespeito. É tudo muito pertinente ao assunto e natural. Então, já gosto “de montão” do Marcos desde o primeiro livro, embora, como marido ou parceiro, deixo-o para Vanessa. Não serve para mim (é muito galinha. Hahahaha...).


Meu sentimento sobre o autor e a obra:


Redes Sensuais – Livre Arbítrio” é uma leitura instigante, complexa e de tirar o fôlego. Leonardo Midas mantém o leitor empolgado e conectado do começo ao fim, pois, além das tensões comuns aos enredos de suspense, há também uma gama de informações que vão se interligando e esclarecendo paulatinamente o caso. Trata-se de uma investigação dinâmica, enérgica e contra o tempo, que acontece em cenários reais e concomitantemente com alguns fatos reais que realmente existiram na época da narração. O autor consegue prender nossa atenção com uma narrativa clara, envolvente, carregada de tensão e suspense crescentes e ininterruptos, misturando drama, sexo, crimes e, é claro, muito suspense gerado pelos fatores adversos que põem em dúvida e risco a certeza de Marcos em relação as suas amizades, a sua integridade física, aos seus sentimentos e emoções e, até mesmo, ao seu equilíbrio mental e emocional. Nada é fantasioso, fora do contexto, nem improvável de acontecer.
Esse é o segundo título de Leonardo Midas que leio e ratifico minha admiração pela sua capacidade descritiva e de criar e conduzir enredos instigantes e personagens tão cativantes e críveis o que os tornam tão próximos de nossa realidade.
Será Leonardo Midas o rei Midas nacional dos suspenses eróticos? (Brincadeirinha... hahaha...)

Torcendo muito pelo livro físico. 
Super-recomendo!

Gostou do enredo? Então leia o livro gratuitamente. Ele está completo e disponível na plataforma Wattpad. É só acessar o link abaixo:


Página de Redes Sensuais no Facebook

Leitor querido, espero que você tenha gostado da resenha e que ela tenha despertado seu interesse pela leitura.  Não se esqueça de deixar seu comentário, pois sua opinião é muito importante para o autor e para o blog.
Beijos e até a próxima.

Créditos:
Resenha: Vanda Costa
Imagens: Tiradas da Intenet
Diagramação: Vanda Costa




9 comentários:

  1. Olá, já li os dois livros. Adorei. ...o melhor é que o segundo empolga para uma nova trama ou nova obra. Recomendo, mas advirto vc ficará pensativo sobre o que é real e virtual. ...kkkk.

    ResponderExcluir
  2. Oi Vandinha resenha como sempre maravilhosas!
    A trama parece ser bem rica em mistério e sensualidade.
    Parabéns pelo desenvolvimento da resenha e ao autor pela obra, está na minha lista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Giu. Leia o livro. Pra você que adora um suspense, é perfeito. Muito bem elaborado e desenvolvido.
      Bjão.
      Vanda

      Excluir
  3. Olá, já li os dois livros. Adorei o melhor é que o segundo empolga para uma nova trama ou nova obra. Mas advirto, vc ficará pensativo sobre o que é real e o que é virtual. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Iria. É realmente interessante a pluralidade de opiniões que uma obra desperta em leitores distintos. No meu caso, já achei as obras do Leonardo Midas, apesar dos enredos não serem tão comuns, não são fantasiosas, pois, são possíveis de acontecer.
      Grata pela visita e comentário.
      Volte sempre.
      Abraços.
      Vanda

      Excluir
  4. Olá, o que falar do livro é simplismente maravilhoso diferente de tudo que ja li!uma história envolvente intrigante com personagens de tirar o folego, vc começa a ler e não consegue parar mais sem contar que o Autor nos proporciona com fatos reias o que se torna muito mais interesante!muitas vezes queria matar Marcos e em outras tive até pena... Concordo com a resenha! Boa sorte e parabéns para o Autor.

    ResponderExcluir
  5. Olá, o que falar do livro é simplismente maravilhoso diferente de tudo que ja li!uma história envolvente intrigante com personagens de tirar o folego, vc começa a ler e não consegue parar mais sem contar que o Autor nos proporciona com fatos reias o que se torna muito mais interesante!muitas vezes queria matar Marcos e em outras tive até pena... Concordo com a resenha! Boa sorte e parabéns para o Autor.

    ResponderExcluir
  6. Ambos os livros são deliciosos, misturam sexo com mistério em doses perfeitas. A resenha é fiel e bem feita, principalmente no tocante a linguagem. O autor consegue balançar a linguagem irreverente (com destaque para aquela que nós falamos ou pensamos nos momentos mais quentes) com uma narrativa leve e elegante. Também acho que ele tem o "toque de Midas" dos livros eróticos nacionais!!!

    ResponderExcluir
  7. Resenha ótima como sempre. Já tinha lido Redes Sensuais e quando soube que iria ser publicado Redes Sensuais- Livre Arbítrio "corri" para o wattpad para ler. Realmente o livro é muito bom e prende a leitura até o final da trama, super recomendo...... Um ponto forte da estoria é que passa longe dos "clichês" eróticos publicados atualmente. Super indico a leitura e também acho que o autor tem o "toque de Midas" na construção de livros eróticos!!!

    ResponderExcluir


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.