Postagem em destaque

[Promoção Mães Leitoras] com Rô Mierling e blogs parceiros (serão 7 ganhadores!)

Olá queridos leitores! Em comemoração ao Dias das Mães , a escritora Rô Mierling e blogs parceiros se reuniram para presentea...

Devaneios em versos Especial dia dos pais!

Hoje é dia de comemoração aqui no Blogue Clube do Livro!! 
Vamos juntos comemorar o dia do nosso grande herói... Pai!

Deixamos nosso grande carinho à você papai, você que é/foi exemplo para seus filhos, que esteve presente nos momentos mais importantes da vida do seu filho e sempre foi motivo de orgulho.
Fiz um poeminha com muito carinho para todos os papais, que apesar de singelo, revela toda a importância e o amor que temos pelos nossos papais.

Pai

Palavra tão pequena 
Tão doce palavra: pai
heroi de todas as horas
Das horas difíceis, pai!
Te quero dentro de um Abraço
Num laço de amor e paz
Te quero sempre presente
Latente amor de pai

Amanda Bonatti

Deixamos aqui estas lindas fotos enviadas por autores e amigos do Clube do Livro com seus pais. Uma forma de homenagear aquele a quem tanto amamos! As fotos estão lindas! Viva!!



"Pai, o que posso dizer nesse dia tão especial?

Quais palavras usar para mostrar o quanto você é importante na minha vida?
Você sempre esteve presente, mesmo quando não estava - nos poucos momentos em que você chegava, depois de dias longos e cansativos na pesca, e ainda assim, pai, ainda assim você abria um sorriso e nos abraçava com muito amor e carinho.

Mesmo não presente, você estava lá quando o machucado só seria curado com seu beijo milagroso, nos momentos em que nos dava escondido danone e depois levava bronca da mãe porque era hora no jantar, e também quando comia verduras e sempre dizia: "Hmmmm, olha que gostoso!"...

Mesmo não presente, você sempre esteve presente nos momentos que precisávamos de um abraço, um beijo, ou quando não precisávamos de uma brincadeira chata (ou cócegas!), mas não reclamava quando gritávamos "Pai, para!!!!" ou se ficássemos de cara feia... Mesmo pouco presente, você estava lá quando lancei meu primeiro livro, quando escrevi a primeira dedicatória e quando, com lágrimas nos olhos, eu disse que estava realizando meu sonho na Bienal, ou em todos os momentos felizes que tive. Você sempre acreditou em mim, mesmo quando eu não acreditava; você sempre pensou em mim, quando eu achava que não havia solução...

Você não esteve na minha formatura da oitava série ou do terceiro ano, mas você esteve lá, mesmo machucado e com dor, quando peguei meu diploma, quando todos gritaram e me aplaudiram, e você chorou, pai, eu sei que chorou - mas foi de felicidade, então tudo bem.
Mesmo não presente em todos os momentos, você sempre - sempre - sempre esteve presente, porque nos amava e se importava e foi o paizão incrível que tive a sorte de ter!!!

Então, pai, obrigada por ter estado presente, mesmo que você ache que não esteve, em todos os dias sofridos, cansativos, de luta, e nos dias de orgulho, felicidade e muito amor, porque sempre esteve conosco, na nossa mente e coração, e para sempre estará!! Te amo, pai!"

Texto: L.L Alves


O Clube do livro deseja que este seja mais um dia especial e feliz comemorado e lembrado sempre com muito carinho!
Beijos poéticos Amanda Bonatti, Giu, Jenny, Vanda e Lisa

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.