[Resenha] Dono de mim - Khaterine Laccom´t - Métrica Vermelho - Tribo das Letras


Olá, Clubenautas! Hoje viemos trazer mais uma resenha de um livro Hot, publicado pela nossa editora parceria TDL, com o selo Métrica Vermelho.
O livro é o lançamento “Dono de Mim”, da autora Khaterine Laccom´t. Esse livro conta a história de um homem rico,  poderoso e dominador e de uma submissa com um temperamento forte, que não vai se domar facilmente. Muita pimenta nessa receita e um livro que vai fazer a temperatura subir e seu coração acelerar. 
Segurem seus forninhos e conheçam o sr. Fodão .



Selo Métrica Vermelho

Dono de Mim - Khaterine Laccom´t


Sinopse;  Manuela é uma mulher forte, inteligente e bem sucedida. Acostumada a lidar com os homens, devido a sua profissão. Mas não estava preparada para aquele homem. Rodrigo Alcântara e Castro, com apenas um olhar a deixava perdida, excitada. Manuela apesar de ser uma boa submissa, não acreditava na expressão "Dono de mim". Rodrigo como um bom Dominador, não abre mão de ser "Dono"... 
Entre Dominação e Submissão, eles serão tragados por um sentimento que ambos desacreditavam... O Amor! Mas ambos são fortes, nesse duelo de titãs e jogos de sedução, alguém vai ter que ceder! 


Dono de Mim - Khaterine Laccom´t

Resenha:

Rodrigo é um empresário rico,  lindo,  bem nascido,  solteiro convicto e praticante Dominador de BDSM.  Depois de um problema na empresa ele contrata Manuela, uma mulher inteligente,  sensual e muito competente para assessorar a recontratação de funcionários e reestruturação da empresa.  Ele descobre que Manuela é também praticante de BDSM,  ela é uma submissa, porém diferente de todas as que Rodrigo já conheceu. Ela é  conhecida pelo seu temperamento e altivez como ice Queen, ou rainha do gelo.
Rodrigo, apelidado por Manuela como sr.  Fodão, fará tudo para que a chama de seu desejo derreta de vez todas as muralhas dessa rainha sedutora.

Eles são como íons magnetizados que se repelem e se atraem .
Depois de muito jogo de provações e sedução, os dois vão provar as delícias das descobertas dos jogos de sensualidade,  dominação e submissão.


Eles terão muitos aprendizados juntos e o maior de todos será a confiança e o amor.
Nessa história,  vocês irão conhecer  a paixão desenfreada,  um desejo ardente,  a descoberta da confiança, a intriga,  inveja  e mentiras tentando separá-los .


Confesso que esse é o primeiro livro que leio sobre BDSM e abri minha mente para poder aproveitar e absorver novas aprendizagens com a leitura.  O livro tem curiosidades para mim que foram totalmente novidades, como termos do BDSM,  rituais e nomes de acessórios usados na prática que me despertaram, no mínimo, uma curiosidade grande a respeito do assunto.



Curiosidades do Livros

Alguns dos fatos interessantes do livro que podemos destacar é a cerimônia da coleira, que é quase uma cerimônia de noivado ou compromisso no BDSM.  
Esse ritual consiste em o dominador colocar um acessório em sua submissa.  Esse objeto representará a coleira, para mostrar a posse,  fidelidade e confiança perante todos do clube. 


O acessório  pode ser uma pulseira,  gargantilha,  bracelete, etc. Nele estará gravado o nome ou a inicial do "DONO "  da SUBMISSA.


Outra curiosidade, é a presença de um contrato com cláusulas pré-estabelecidas entre DOM/SUB. Nesse contrato se determina tempo de duração do contrato, frequência de "sessões",  limites a serem estabelecidos e uma palavra de segurança (eu nunca tinha lido nada do gênero). 

Mais uma curiosidade é a cerimônia de casamento que é muito diferente, e sinceramente, me pareceu muito bonita e sincera.  Como não vou dar spoiller, não vou dizer quem casa,  em qual  momento e nem descrever essa parte.

Outro ponto que achei muito interessante é a presença de trilha sonora do primeiro ao último capítulo do livro, embalando desde as cenas mais apimentadas até as mais românticas da história, (nós fizemos uma playlist com elas e colocamos para vocês no final do post).

Quotes


“Não sou bom, pequena. Sou o melhor. Pegar mulheres indomadas, colocá-las aos meus pés como doces meninas, fazê-las gozar incontáveis vezes. Tudo isso aos embalos de seus gemidos e gritando meu nome...”

"O desejo de todo dominador é ter uma mulher tão forte quanto ela dobrada aos seus pés, lhe servindo.
Estou pronta! Por um momento me bate a insegurança, e se não der certo? Se não der certo, maluca, pelo menos nós fodemos!"


"Me olho no espelho: A mulher é completamente pirada, meu Deus
Pequena, há três maneiras de fazer algo: O jeito certo, o jeito errado e o meu jeito!
Ele se levanta, vira-me e beija com gosto. Já falei que o infeliz beija bem? Não? Beijar bem é eufemismo, aquele beijo é sexo puro!"


"Ser submissa, não é para qualquer uma. Se você não for segura de si, certas dos seus princípios e forte em suas decisões, não está apta para ser uma. Mulheres com almas submissas não obedecem a qualquer um. Elas só se dobram perante aquele que é mais forte que elas."

"Enquanto meus olhos insistem em derramar lágrimas, ele acaricia meus cabelos, sem dizer uma palavra, ele continua a me abraçar. E é nesse silêncio, que me sinto a pessoa mais protegida do mundo"

"Vou para o carro, assim que fecho a porta, choro. Choro por todos meus trinta anos, por nunca ter amado antes, por ter amado agora. Meus soluços eram por tê-lo  chorar conhecido, por tê-lo deixado ir. Chorei pelo vazio, pela dor e chorei por ."

Músicas



Super recomendo a todas aquelas viciadas em histórias apimentadas e instigantes .
Leia sem moderação e preconceitos!
Beijos!!



Créditos:
Resenha: Giuli
Imagens: Tiradas da Internet
Músicas: Youtube
Diagramação: Giuli

Conheça todos os lançamentos da Editora Tribo das Letras!

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.