Postagem em destaque

[Promoção Mães Leitoras] com Rô Mierling e blogs parceiros (serão 7 ganhadores!)

Olá queridos leitores! Em comemoração ao Dias das Mães , a escritora Rô Mierling e blogs parceiros se reuniram para presentea...

[21 Março - Dia mundial da poesia] Transcendência poética

Olá, Clubenautas! Sabem que dia é hoje?
Sim, dia 21 de março... e além disso: o Dia Mundial da Poesia!! Eeeeee


Veja bem: DIA MUNDIAL! Não confundir com o dia Nacional da poesia (que aliás, mudou de data, já veremos).
A criação do dia MUNDIAL DA POESIA foi estabelecida na XXX Conferência Geral da Unesco em 16 de Novembro de 1999 com objetivo de promover a leitura, escrita, publicação e ensino da poesia através do mundo.


Já no Brasil comemorávamos o Dia da poesia no dia 14 de março, data escolhida em homenagem ao nascimento do grande poeta baiano Castro Alves (adoro ele), um de nossos maiores poetas, nascido na cidade de Curralinho, nessa data, no ano de 1847. Porém, essa celebração não era oficial. Houve então uma proposta de lei para que a comemoração fosse oficializada no dia 14 de Março, mas o Projeto foi arquivado. A presidente Dilma, então, em 3 de junho de 2015, sancionou a Lei 13.131/2015, que criou oficialmente o Dia Nacional da Poesia no dia 31 de Outubro, nascimento do poeta Carlos Drummond de Andrade (adoro ele também). Ou seja, se antes homenageávamos Castro Alves e agora: Drummond.

Seja dia Nacional ou Internacional, o importante é prestigiar todos os poetas de todo o mundo! Poesia é alimento para a alma!!
Aliás, escrever poemas é algo que AMO, foi como entrei no mundo literário, e meu tema favorito sempre foi o próprio poeta e a poesia.
Deixo aqui alguns poemas de minha autoria para ilustrar esse post e aguardo seu comentário!
E viva a poesia! E viva o poeta!

***

A poesia e o Poeta

O que é mais triste?
A poesia ou o poeta?

Pedaços de mim mesmo
Ou pedaços de vocês?

Não sei! Só sei que de tanto olhar dentro da escuridão
Cega ficou minha razão

Enganada por falsa emoção
Que ri de tão boba inocência

Fragilidade de quem acredita
Que só lhe resta acreditar

E quem é mais triste?
Eu? Ou a poesia?

***

O poeta

Eu não sou o poeta das flores e dos perfumes
Não quero cantar a natureza e a vida
O meu gosto é amargo, é podre.
Meus olhos são sombrios e apagados

Eu não quero falar de amor e de sonhos
Minhas mãos estão frias e cansadas
Meu corpo está velho e surrado
Meu sorriso é triste e apagado

Eu não posso dizer das cores e da luz
De feições belas e de paz
Minha alma atordoada se perdeu
Minha vida é sombra enevoada

***

Rumo do poeta

O rumo do poeta é sempre o mar,
infindável e infinito,
que fica sempre a beira do caminho
do que fomos e nos tornamos.

E vai, então, a saudade,
dissolvendo-se no oceano, diluindo-se.
Então, me permito dançar
E me atirar, embebida em nostalgia, no mar.
***

O artista

O poeta é um artista
Pinta a vida com todas as cores;
Nas pontas dos dedos, ao invés de tinta
Traz o tom, o dom

Arte de pincelar as palavras no papel
Desenhar as rimas e os sons
Sonoridades, tonalidades
Palavras quentes, palavras frias

E assim, tece uma noite
Uma manhã, uma vida
O poeta colore a alma
O poeta tece a dor e o amor

***

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.