[Resenha] Uma Canção Para Libélula Parte I - Juliana Daglio

Olá meus amores, hoje a resenha é tão especial que eu fico até emocionada...

A Ju Daglio escreveu uma obra linda, perfeita e está já na minha lista de favoritos, eu que nunca tinha reparado em uma libélula na minha vida me apaixonei perdidamente por elas depois desse livro. Não tem como ser o contrário, um livro sensível ao extremo, não tem como não sentir junto com os personagens, não tem como não refletir e repensar vários pontos...


Nunca vi uma doença retratada com tamanho sentimento, com conhecimento mesmo do que está falando!

Ju é psicologa então ela é a mais indicada em tratar de um tema tão sensível, doloroso e não tão incomum ao nosso meio....
Apresento para vocês Uma Canção para Libélula parte I!
Leia e se apaixone você também!!!


Uma Canção para Libélula Parte I




SINOPSE: Era uma comum primavera numa fazenda qualquer, mas um encontro inusitado aconteceu: a Menina e a Libélula se viram pela primeira vez. Assombrada por um medo irracional da Morte, a Menina é marcada por esse encontro para o resto de sua vida. Compõe então uma canção em seu piano, homenageando a misteriosa libélula.
Os anos se passaram, Vanessa vivia em Londres e tinha a vida cercada por seu iminente sucesso como pianista, porém, algo aconteceu, mudando seu destino: Uma doença, uma viagem e um reencontro.
Vanessa precisará encarar fantasmas que sequer lembrava um dia terem assombrado sua vida, tendo de relembrar a morte do irmão e reviver seu conflito com a mãe. E mais importante e mortal, conhecer a grande antagonista de sua vida, a quem chama de Vilã Cinzenta.
De Londres a São Paulo, dos Palcos aos Lagos. “Uma canção para a Libélula” é a história de uma alma perdida e de sua busca por quebrar o casulo de sua existência, para só então compreender o sentido da própria vida. Este livro é um profundo mergulho em uma mente nebulosa, permeada por lagos obscuro e pela inusitada morte; não havendo sequer esperanças.



Clique na Libélula para comprá-lo Autografado: 

*Ou Encontre esse livro também em formato E-Book no AMAZON clique AQUI

Book Trailer

RESENHA

Sensível, profundo e Maravilhosamente bem escrito!


Estou simplesmente maravilhada com a obra Uma Canção 
para Libélula. Foi um livro que conversou diretamente com minha alma e sofri com a intensidade que a autora conseguiu transmitir os sentimentos vividos pela personagem e identifiquei-me muito com as suas angustias e dramas pessoais...
Foi intenso e surreal estar lendo e sentindo junto com a Vanessa o clima denso e complexo desse livro.

Esse livro conta história de Vanessa Santos, que é uma pianista de sucesso, mas sua vida só tem sentido quando vivida através de sua música. Por trás de tanto talento existem buracos negros de tamanho imensurável. 
Em seu passado, ela sofreu com a rejeição e crueldade de sua mãe Valéria e por ter sido negligenciada pelo seu pai quando mais precisou em um momento traumático de sua infância. Com todos esses acontecimentos ela acaba indo morar com seus tios na Europa. 

Após doze anos de silêncio e fuga do seu passado, Vanessa vai receber um telefonema que irá reabrir velhas  feridas e fará com que ela tenha que enfrentar o seu maior medo: O passado, e suas lembranças cruéis e cinzentas...

Um livro que vai fazer você se emocionar e sentir cada dor e sentimento em sua máxima amplitude, você irá mergulhar fundo no negrume da depressão e ver que por trás de cada fachada fria existem rachaduras nas quais o mínimo toque pode fazer a pessoa se estilhaçar como cristal...

O fim é muito tenso e deixa várias questões a serem respondidas Estou aqui me mordendo de curiosidade pelo final que estará no livro Uma canção para libélula parte II que será lançado em Maio como já postamos AQUI...


São vários porquês...
Mas o porquê mais doloroso é ...
Por que esse livro tão maravilhoso acabou tão cedo?!

Gente, a escrita da Juliana Daglio é maravilhosa, seu trabalho é perfeito!
Com certeza já é uma das minhas autoras preferidas e sem dúvida esse livro está entre os melhores que já li!


Quotes do Livro:



"As duas ficaram se olhando por um tempo, sem censura, apenas presas entre si como os seres celestiais se prendem às preces dos mortais."









"Era como se alguém me observasse ali, jogada na parede, tentando lutar contra um passado enterrado, que cavava para fora com garras mais fortes. Ela estava ali. A presença cinzenta e cruel. A vilã de minha história."



"Fechei os olhos, concentrando-me no vento sobre as bochechas e costelas. O frio, só o frio. Mas ele não foi suficiente para calar a voz da menina que eu fui, dizendo-me coisas que eu achei ter esquecido; contando-me de uma tristeza que nunca tinha deixando de existir."
"Quando uma dor pede para levar embora suas lembranças ruins, ela leva também a parte boa. Arranca as raízes de tudo que você lembrava ser. Foi isso que me aconteceu. A dor me levou a parte boa de minha infância, e só deixou um vazio enegrecido para trás."





–Sonhos... sonhos... sonhos são desejos. Você quer, garota inútil. Você quer morrer. Foi culpa sua.






-Você ficou encarando o pobre rapaz que só queria ser esquisito em paz? 
–Fiquei pensando que vocês seriam lindos sendo esquisitos juntos.



"Nenhum piano no mundo se comparava àquele. Era perfeito, como uma extensão de minha existência, agora separado de mim, levando a parte boa e pegando para si. Um instrumento proibido agora. Ao mesmo tempo em que me causava medo, atraía-me."



"A reunião sombria estava pronta, como se tivesse sido planejada... Nós três e a lembrança de uma morte."


Playlist Perfeita


*Ps: Misturei músicas que a autora colocou no livro com as que eu achei se adequarem a história





Então é isso meus amores!
Se gostou, curta, compartilhe e comente!
O Livro é maravilhoso e estou ansiosa pela continuação!!
Chega logo Maio!!!
Kisses!



Créditos:
Resenha: Giuli
Imagens: Tiradas da Internet
Músicas: Youtube
Diagramação: Giuli